FocoNews - Conectou, virou notícia!


A família de Lucas Frave, 19 anos, planeja alugar um ônibus para levar doadores de sangue compatível com o do jovem até o Hospital Amaral Carvalho, em Jaú (SP), no próximo dia 6 de julho (sábado). Segundo os familiares, Lucas precisa do sangue do tipo O-. Além do sangue, os médicos informaram que Lucas necessita urgente de um doador de medula que seja 100% compatível para restabelecimento de sua saúde, mas o prazo é muito curto. O jovem também precisa de doadores de plaquetas. 
Por meio de uma página no Facebook, a família está com a campanha “O Lucas precisa de você”, como uma forma de incentivar a população da região ao cadastramento no banco de doação de medula óssea, e lembrar as pessoas que já são cadastradas e que mudaram de endereço, email ou telefone que é necessário atualizar no site do redome, porque talvez a pessoa é compatível, mas o hospital não conseguiu encontrá-la porque o cadastro está desatualizado. Para ajudar o jovem é só entrar em contato com Ana Paula, tia do menino pelo número (17) 99652-9854.
Segundo a tia, o hospital precisa de todos os tipos de sangue e que é importante todo mundo ajudar. "Quero pedir pra quem puder se cadastrar como doadores de medula óssea, é bem fácil de fazer o cadastro, é só ir até o hemocentro mais próximo com CPF, RG E cartão do SUS. O procedimento é rápido e seus dados ficarão armazenados, caso alguém seja compatível com você, o hospital entra em contato. Você pode salvar uma vida", destaca. 
Em 2015, Lucas Favre foi diagnosticado com LLA (Leucemia Linfóide Aguda). Na época ele fez o tratamento necessário com quimioterapia e radioterapia, e após dois anos, recebeu a cura. Porém, nos últimos anos a família percebeu que Lucas não estava se sentindo bem, e decidiram ir ao hospital para ver qual era o problema, oportunidade a qual um diagnóstico voltou a aterrorizá-los: a doença retornou ainda mais agressiva.

Imediatamente a família desenvolveu uma campanha para encontrar um doador compatível, principalmente voltada à conscientização das pessoas quanto a importância de se realizar o cadastro de doador de medula. As chances se aproximam em 1 a cada 100 mil.
Por Brenda Cardoso - O Extra.

Publique um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
FocoNews - Conectou, virou notícia!
FocoNews - Conectou, virou notícia!