FocoNews - Conectou, virou notícia!

Por Claudia Funari (de São Paulo) - A partir de 2021 a região de Jales terá mais 9 escolas estaduais funcionando em regime integral, que prevê um período de permanência do aluno na escola entre 7 a 9 horas. “O ensino integral é uma grande vitória para educação, que poderá se estruturar em bases mais sólidas, para nossos alunos tenham uma melhor formação”, avalia a deputada Analice Fernandes.

Farão parte do programa a partir do ano que vem a EE Dr. Euphly Jalles, em Jales, a EE Prof. Akio Satoru, em Urânia, a EE Carlos Celso Lernaduzzi, em Santa Albertina, a EE Orestes Ferreira Toledo em Palmeira Doente, a EE Domingos Donato Rivelli en Santana da Ponte Pensa, a EE José dos Santos em Aspásia, a EE Profa. Maria Pereira de B. Benetoli, em Auriflama, a EE Osvaldo Ramos, em Dirce Reis e a EE Profa. Vanir Ferrero Moraes, Guzolândia.

Para o dirigente Regional de Ensino da Região de Jales, Geraldo Niza da Silva é um programa fantástico também para os professores e gestores das escolas porque dá a oportunidade para que o professor trabalhe em uma única escola e apenas durante o dia. “Existe tempo para preparar melhor as aulas, o professor tem formação continuada dentro do programa, ampliando sua formação e é possível criar maior vínculo com os alunos”, avalia.

Segundo o secretário de Educação, Rossiele Soares, ao todo serão mais 400 escolas da rede estadual que passarão a fazer parte do Programa de Ensino Integral (PEI).

“São 400 novas escolas que vão começar a funcionar a partir de fevereiro de 2021 em tempo integral. O ensino em período integral é fundamental se quisermos ter uma educação de excelência”, disse a deputada Analice Fernandes.

As 400 novas escolas são as que manifestaram interesse em aderir ao programa e que obedecem aos critérios estabelecidos pela Secretaria da Educação, como ter mais de 12 salas de aulas e atender a uma comunidade com maior vulnerabilidade socioeconômica.

As novas 400 PEIs já estarão em funcionamento no próximo ano letivo de 2021. Elas vão ofertar 254 mil novas vagas para alunos dos anos finais do ensino fundamental e ensino médio. No total, as 1.064 escolas do programa terão 542 mil vagas em todo o estado de São Paulo, o que corresponde a 15% da rede.

Sobre o PEI

Pelo novo programa, os estudantes passam a ter uma matriz curricular diferenciada que inclui projeto de vida, orientação de estudos e práticas experimentais. Há ainda clubes juvenis de acordo com temas de interesse como dança, xadrez e debates.

Os alunos contam com o apoio do professor tutor para fortalecer sua excelência acadêmica e na orientação do projeto de vida. Os alunos também vão poder escolher algumas disciplinas de acordo com seus objetivos. A carga horária é de até nove horas e meia – na rede regular, a jornada é de cinco horas e quinze minutos.

Fonte: Jornal de Jales


Receba diariamente o FocoNews em seu WhatsApp
Salve o nosso número e envie "notícias" para (17) 99623-1183 para receber as informações do FocoNews diariamente em seu celular. Se preferir, clique aqui para iniciar uma conversa direta no nosso WhatsApp. O processo é o mesmo, ok? Salvar o número e enviar a palavra "notícias".



Publique um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
FocoNews - Conectou, virou notícia!
FocoNews - Conectou, virou notícia!