FocoNews - Conectou, virou notícia!

Conforme antecipado no final de semana pelo FocoNews, o prefeito de Jales, Luis Henrique Moreira (PSDB), assinou na manhã desta segunda-feira, 29 de março, o decreto que estabelece novas medidas restritivas no município. As novas regras valem para os 49.201 habitantes a partir desta terça-feira, 30 de março, e inicialmente vai até o domingo de páscoa, 4 de abril.

As novas restrições chegam após o crescimento no número de casos e de óbitos em decorrência da Covid-19. A falta de leitos para internações de pacientes na UPA 24h - Unidade de Pronto Atendimento e na Santa Casa de Jales também foi levada em consideração. O deslocamento só é permitido em caso de necessidade comprovada.

Ficam suspensas as atividades comerciais e prestação de serviços, inclusive bancos, correspondentes bancários, casas lotéricas, serviços postais (Correios), quer para o atendimento presencial, quer para a prática de atividades internas.

Fica vedada a circulação de veículos em vias públicas e a circulação de pessoas que não sejam trabalhadores de serviços essenciais ou pessoas em busca de atendimento de saúde. Da mesma forma, estão vedadas as aglomerações com mais de três pessoas, a utilização de parques infantis e academias ao ar livre, a realização de cultos e missas presenciais, a visitação de cemitérios, etc.

Ficam proibidas todas as atividades festivas e confraternizações, incluindo aquelas realizadas em âmbito privados que gerem aglomerações.

Poderão funcionar, com atendimento presencial, as clínicas médicas que atendam síndrome gripal, as farmácias, a indústrias, os hotéis, os meios de comunicação, os serviços de táxi e moto-táxi, os postos de combustíveis, etc. Os caixas eletrônicos poderão funcionar das 06 às 20 horas.

Também estão autorizados a funcionar de terça a sábado, com as portas fechadas e atendimento apenas por meio de serviço de entrega (delivery) – proibido o drive thru – os supermercados, mercados, açougues, peixarias, quitandas, restaurantes, lanchonetes, padarias e congêneres, distribuidoras de água e gás, lojas de venda de alimentação para animais, etc, proibido o drive thru.

O decreto diz que as polícias Federal, Militar e Civil irão auxiliar na fiscalização. Diz também que os infratores (pessoas jurídicas) poderão ser punidos com a suspensão do alvará de funcionamento, mas, quanto às pessoas físicas, não estabelece nenhuma multa.

 Leia o decreto na íntegra:








Receba o FocoNews em seu WhatsApp
Salve o nosso número e envie "notícias" para (17) 99623-1183 para receber as informações do FocoNews diariamente em seu celular. Se preferir, clique aqui para iniciar uma conversa direta no nosso WhatsApp. O processo é o mesmo, ok? Salvar o número e enviar a palavra "notícias".



1 Comentários

  1. Senhor prefeito agora vocês resolveram fechar tudo porque nao fecharam na epoca da politica que tava todo mundo nas ruas nos precisamos trabalkar o nosso salario nao cai todo mes igual os de voces pagamos aluguel água luz as contas chega ê aí quem vai pagar

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
FocoNews - Conectou, virou notícia!
FocoNews - Conectou, virou notícia!