MEGA BANNER INTERNO

FocoNews - Conectou, virou notícia!

MEGA BANNER INTERNO - Magazine

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Antes mesmo das festas de Réveillon, cidades da região de Rio Preto já estavam tendo um aumento do número de casos de gripe e de Covid-19. Agora, a preocupação é com um possível novo aumento do número de infecções após as festas de final de ano.

Em Mirassol, que confirmou o primeiro caso da variante Ômicron no Noroeste Paulista, de 4 casos ativos de coronavírus no início do mês, a cidade passou para 20 na última semana de dezembro.

Segundo o diretor de saúde de Mirassol, Frank Hulder de Oliveira, a cidade segue monitorando todos os casos da cidade. "A pandemia não acabou, o vírus não morreu e nós ainda estamos com a infecção comunitária. Por isso, pedimos para que as pessoas evitem aglomerações e continuem usando máscara", destacou.

Outra cidade que também viu o número de casos crescer exponencialmente nos últimos dias foi Buritama. "A gente já nota um aumento de pessoas procurando para fazer testes de Covid-19 e atendimentos no pronto-socorro. Outra preocupação é sobre casos de dengue, que muita gente acaba se esquecendo dos cuidados básicos para evitar uma nova epidemia", alertou o diretor municipal de Saúde, Edilson Carlos de Paiva.

Em Novo Horizonte, na última quinta-feira, dia 30, a Secretaria Municipal de Saúde em conjunto com o Comitê de Enfrentamento da Covid-19 e representantes da Santa Casa da cidade se reuniram para adoção de medidas no combate à nova onda de contágio. A cidade também viu a procura por diagnósticos de Covid-19 e Influenza crescer nos últimos dias.

Rio Preto

De acordo com a Secretaria de Saúde, em Rio Preto, há circulação da Covid-19 e outras viroses respiratórias endêmicas como Influenza A, especialmente o vírus H3N2, e o vírus sincicial respiratório. "Tivemos também a notificação de casos suspeitos de outras viroses como síndrome mão-pé-boca. Lembrando que diversos vírus respiratórios podem causar resfriados", consta em nota da Secretaria da Saúde de Rio Preto.

O secretário de saúde, Aldenis Borim, confirmou que Rio Preto vive um surto de gripe. "Estamos vivendo um surto de gripe, que está em um pico elevadíssimo nas unidades, tanto públicas quanto privadas, com demora no atendimento. Isso não é por falta de funcionário", afirmou Borim.

Gestores de saúde ouvidos pelo Diário temem um novo aumento do número de casos e destacam sobre a importância da dose de reforço contra a Covid-19. Eles também reforçam a importância de cumprir o isolamento social e realizar o teste para saber o diagnóstico de Covid-19.

Fonte: Diário da Região

Receba o FocoNews em seu WhatsApp
Salve o nosso número e envie "notícias" para (17) 99623-1183 para receber as informações do FocoNews diariamente em seu celular. Se preferir, clique aqui para iniciar uma conversa direta no nosso WhatsApp. O processo é o mesmo, ok? Salvar o número e enviar a palavra "notícias".



Publique um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
FocoNews - Conectou, virou notícia!